Professores colaboradores

Docentes externos à UFRJ que participam regularmente das atividades de ensino, pesquisa e extensão do Laboratório de Direitos Humanos (em ordem alfabética).

Conheça um pouco dos nossos parceiros.


Guilherme Cruz de Mendonça

MG_9366

Doutor em Meio Ambiente pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Fez Pós-Doutorado no PPGD/UFRJ. Mestre em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ. Especialista em patrimônio cultural pelo Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional – IPHAN em parceria com a UNESCO. Graduação em Direito pela UERJ. Professor de Direito Ambiental. Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito Ambiental, Patrimônio Cultural e Direito Internacional. Professor de Direito Ambiental no IFRJ. No Ladih, trabalha com teoria crítica dos direitos humanos, biodiversidade e ecologia política, tendo publicações conjuntas com pesquisadores do Laboratório e participação em projetos de ensino, pesquisa e extensão.

Acesse o currículo completo aqui


Jean-Marc Thouvenin

maxresdefault

Jean-Marc Thouvenin é especialista em direito comunitário e legislação internacional. É  membro do Centro de Direito Internacional Nanterre (CEDIN) da Universidade de Paris X. Foi Secretário Geral da Sociedade Francesa de Direito Internacional (IRFS), uma associação com base na Schuman University Robert em Estrasburgo, criado em 1967, reunindo especialistas acadêmicos em direito internacional, direitos humanos e questões relacionadas com aspectos legais da globalização. Também é advogado associado no SELARL Sygna Partners. Desde 01 de janeiro de 2017, é secretário-geral da Academia de Direito Internacional de Haia. Junto ao Ladih, atuou em eventos acadêmicos na UFRJ, na Université Paris X e na Universidad Javeriana de Bogotá, tendo publicações conjuntas com docentes do Laboratório na área de direito internacional.

Acesse o currículo completo aqui


Luiz Felipe Brandão Osório

image-2

 

Atualmente é Professor Adjunto de Direito e Relações Internacionais, com ênfase em Organizações Internacionais e Processos de Integração Regional na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Pesquisador vinculado ao Laboratório de Direitos Humanos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (LADIH/UFRJ) e ao Grupo de Pesquisa Teoria Crítica dos Direitos Humanos (CNPq). Pós-Doutor em Direito Político e Econômico pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Doutor em Economia Política Internacional pela Universidade Federal do Rio de Janeiro- UFRJ (2015). Mestre em Economia Política Internacional pela Universidade Federal do Rio de Janeiro- UFRJ (2011). Possui graduação em Direito pela Universidade Federal de Juiz de Fora- UFJF (2008). Advogado. Tem experiência nas áreas de Direito e de Relações Internacionais e Direito e Economia Política. Atua em pesquisas relacionadas aos seguintes temas: Direito Internacional Público, Direitos Humanos, Teoria do Direito, Instituições Jurídicas, Direito da Integração, Teoria das Organizações Internacionais, Política Internacional, Economia Política e Direito, e Economia Política Internacional. Atua junto ao Ladih em projetos de pesquisa e extensão, participando de publicações coletivas com os docentes do Laboratório.

Acesse o currículo completo aqui.


Manuel Eugénio Gándara Carballido

photo

Ativista de Direitos Humanos, dedicado à educação popular em Direitos Humanos na Venezuela, onde há acompanhado processos de formação e organização com comunidades de base e organizações sociais. Membro da Red de Apoyo por la Justicia y la Paz y del Instituto Joaquín Herrera Flores.  Licenciado em Filosofia pela Universidad Santa Rosa de Lima, Caracas, Venezuela; Mestre em Filosofia da Prática pela Universidad Católica Andrés Bello, Caracas, Venezuela; Mestre em Derechos Humanos, Interculturalidad y Desarrollo pela Universidad Pablo de Olavide en Sevilla, España. Doutor en Derechos Humanos y Desarrollo por la Universidad Pablo de Olavide, en Sevilla, España. Professor de “Teoría tradicional y teoría crítica de los derechos humanos” no Programa Oficial de Mestrado em “Derechos Humanos, Interculturalidad y Desarrollo” da Universidad Pablo de Olavide de Sevilla, España. Professor no Mestrado de Psicologia Social da Universidad Central de Venezuela. Participou como docente em programas de Pós-Graduação em universidades de Portugal, Costa Rica e Brasil. No momento presta seus serviços como responsável pelos processos de formação do Instituto de Políticas Públicas en Derechos Humanos del MERCOSUR. Junto ao Ladih, atuou como professor e pesquisador, tendo publicações em co-autoria com docentes do Laboratório, na área de teoria crítica dos direitos humanos e justiça de transição.

Acesse o currículo completo aqui.


Rui Cunha Martins

maxresdefault-5

Professor da Universidade de Coimbra (Instituto de História e Teoria das Ideias) e membro do corpo docente do Programa de Doutoramento em Altos Estudos Contemporâneos dessa mesma universidade, é investigador integrado do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX /CEIS20, onde é responsável pela linha de pesquisa “Fronteira, Democracia e Direitos Humanos”, bem como investigador associado do CITCEM. Está também ligado, quer enquanto Professor Visitante de programas de pós-graduação, quer enquanto membro de redes e grupos de pesquisa, a diversas instituições universitárias espanholas e brasileiras, designadamente em Barcelona, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Curitiba e Recife. As suas áreas de investigação, genericamente reportadas à História Contemporânea (problemática da mudança política e da transição, problemática da fronteira e da estatalidade, regimes da prova e da verdade), situam-se na confluência da Teoria da História, da Teoria do Direito e da Teoria Política. Nessas áreas tem orientado diversas dissertações de mestrado e doutoramento. Para além do presente Portugal 1974: Transição Política em Perspectiva Histórica, que coordena, é autor, entre outros trabalhos, de O Método da Fronteira: Radiografia Histórica de um Dispositivo Contemporâneo (matrizes ibéricas e americanas) [Coimbra: Almedina, 2008] – livro originariamente editado em Espanha [El Método de la Frontera, Salamanca: Ediciones de la Universidad, 2007] – e de O Ponto Cego do Direito. The Brazilian Lessons [Rio de Janeiro: Editora Lumen Juris, 2010]. Atua no Ladih como docente e pesquisador junto ao grupo Matrizes do Processo Penal Brasileiro.


Thula Rafaela de Oliveira Pires

maxresdefault-4

Doutora em Direito – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2013). Mestra em Direito – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2004). Graduada em Direito – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2002). Atualmente é professora nos cursos de Graduação e Pós-graduação do Departamento de Direito da PUC-Rio e Coordenadora-Adjunta de Graduação no mesmo curso. Tem experiência na área de: Direito Constitucional, atuando principalmente nos seguintes temas: racismo, teoria crítica da raça, decolonialidade, mulheres negras, direitos humanos e teoria do reconhecimento. Junto ao Ladih, atuou como professora e pesquisadora e participante de projetos de extensão, tendo publicações em co-autoria com docentes do Laboratório, na área de teoria crítica dos direitos humanos.

Acesso o currículo completo aqui.


Anúncios